fbpx

PIX: promessa de revolução

Plataforma PIX
Plataforma PIX contabiliza 1 milhão de operações nas primeiras três horas. Promessa de revolução será atingida?

São 734 instituições financeiras que estão aptas a operar utilizando o PIX, sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. Há ainda cerca de 19 instituições financeiras que estão em fase de testes para validar a operação e retornar o processo de homologação. O sistema já registrou cerca de 73,1 milhões de chaves cadastradas, sendo 30 milhões de pessoas e 1,8 milhões de empresas.

O sistema não contou com instabilidade, embora algumas transações não tenham sido efetivadas instantaneamente, relata Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central. “O Pix gera inclusão, dá amplo acesso a todos, milhões de pessoas digitalizadas, milhares de novos negócios”, diz Roberto.

Um total de R$ 777,3 milhões, esse foi o valor contabilizado com 1,005 milhão de operações liquidadas pelo PIX em mais ou menos três horas. O projeto para desenvolvimento e implantação do sistema, demorou cerca de dois anos.

Um dos principais objetivos do sistema PIX é acabar com o horário de transferência, assim, pessoas físicas e jurídicas, podem realizar transações financeiras 24 horas por dias nos sete dias da semana, sem a demora na operação, como no TED e DOC. A meta era oferecer com o PIX uma transferência de dinheiro tão rápida, fácil quanto fazer uma ligação ou enviar uma mensagem.

Há um papel muito grande do PIX no processo de retomada da economia, com o rápido crescimento do número de e-commerce e a viabilização do negócio, pois a redução de despesas com transações irá ajudar os pequenos empreendimentos. Além da ajuda econômica a pequenos empresários, o PIX busca um processo de aceleração e uma participação por parte dos brasileiros, ao uso de tecnologia que ocorre mundialmente. O presidente do Banco Central chama essa tecnologia de “6D”, ou seja: digitalização, desmonetização, desintermediação, desmaterialização, disrupção e democratização.

O sistema brasileiro é bem superior ao utilizado na China. Professor da Universidade de Columbia acredita que PIX será objeto de estudo internacional. A segurança e estabilidade do sistema é a prioridade para o BC, para isso foram criados alguns gatilhos antifraude.

Nesse estágio inicial de implantação, é prioridade assegurar a estabilidade do sistema e gerar credibilidade aos usuários, mas o BC já planeja a implantar mais algumas funcionalidades como o PIX Garantido e o Saque PIX. Ambas funcionalidades estão sendo estudadas e previstas para o primeiro semestre de 2021.

Fonte: Banco Central

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Veja também

Posts Relacionados